Central de Ajuda Operand

Como apontar horas em atividades (Timesheet)?

O controle de horas, quando feito de maneira efetiva, torna-se um grande aliado na hora da definição de preços dos serviços e prazos a serem passados para um cliente para a entrega de um trabalho. Também facilita a análise de rentabilidade de um projeto e da produtividade da equipe. Não é o máximo?

Por isso, disponibilizamos a seguir as melhores formas de realizar o apontamento de horas dentro do Operand:

1 - Timesheet automático (Pauta de Jobs): em todas as pautas, exceto a de timesheet, você pode iniciar a contagem do tempo de forma automática. Basta clicar no menu de contexto e depois em Iniciar Timesheet.

2 - Timesheet automático (Edição de Jobs): com a visão mais detalhada do que precisa ser feito na atividade, você pode iniciar o timesheet para contabilizar o tempo automaticamente enquanto trabalha. Basta clicar no ícone de relógio e depois na opção Iniciar.

Não esqueça de parar o timesheet sempre que finalizar o trabalho para que o tempo registrado seja o mais preciso possível.

Sugestão: ao parar o timesheet, inclua uma descrição da tarefa que estava sendo feita durante o tempo registrado (criação de layout, de texto, pesquisa, etc).

3 - Timesheet manual (Edição de Jobs): caso você esqueça de iniciar o timesheet ou precise realizar alguma correção, então, nessas situações, basta reportar o tempo manualmente. É só informar a data e durante quanto tempo o trabalho foi desenvolvido. Na descrição, é possível detalhar em que estava sendo investido aquele tempo (criação de layout, de texto, pesquisa, etc). Basta clicar no ícone de relógio e depois na opção, Apontar.

Uma coisa é certa: quanto mais alinhada a equipe estiver em relação ao uso desse recurso, mais preciso o Relatório de Timesheet será. Então, sempre vale uma reunião para deixar bem claro os benefícios ganhos a partir desse controle.