Como funciona o cálculo de encargo/imposto nas propostas

No Operand, quando você cadastra uma proposta, tem a possibilidade de incluir o percentual de encargo para que seja acrescentado ao valor do serviço.

Esses percentuais são cadastrados nas configurações do módulo de propostas e existem duas opções de cálculo: o Simples e o Inverso. 

Antes de avançar, para explicar como funciona o cálculo, precisamos de um exemplo, ok?
Imagine uma proposta de R$1000,00 com encargos de 10%.

Encargos com cálculo Simples

O cálculo é o mais simples possível: se você acrescenta 10%, o valor final fica igual a R$1100,00.

Como funciona o cálculo de encargoimposto nas propostas

Encargos com cálculo Inverso

Esse é o cálculo mais utilizado e é preciso fazer conta para chegar no resultado, porque gera muita dúvida. Vamos lá?

Se você tem R$1000,00 e acrescenta os 10%, fica com R$1100,00, mas, se você tira os 10%, você fica com R$990,00. Ou seja, está "perdendo" R$10,00.

No sistema, para que você continue com R$1000,00, mesmo após os encargos de 10%, o cálculo é feito da seguinte forma:

  1. Primeiro, você precisa transformar os encargos em número decimal: 10% é igual a 10 dividido por 100 que é igual a 0,1.
  2. Agora, é preciso diminuir o valor dos encargos do número inteiro (1 é o número inteiro), então ficará 1 menos 0,1, que é igual a 0,9.
  3. Hora de chegar no valor final da proposta! Basta dividir o valor líquido da proposta, pelo resultado acima. Ou seja, 1000 dividido por 0,9, que é igual a R$1111,11.

Como funciona o cálculo de encargoimposto nas propostas 2

Com o cálculo inverso você cobra o valor do encargo, do seu cliente, sem perder o valor do seu serviço ;)

Sabemos que não é tão fácil assim de entender o cálculo inverso, então, se precisar de alguma ajuda, conte com a gente!

Veja também: